mujeres con piercings en la oreja

História da perfuração da orelha em 10 anedotas

O piercing é uma prática que está presente em diferentes culturas e épocas há milhares de anos. Ao longo da história, o piercing tem sido usado como símbolo de status, moda, rebelião e expressão pessoal. Neste artigo, vamos explorar a história da perfuração da orelha e como ela evoluiu ao longo dos séculos. Desde a Grécia antiga até os dias atuais, o piercing tem sido uma forma popular de expressão pessoal e moda. Abaixo estão diferentes períodos e momentos históricos em que o piercing desempenhou um papel importante.

Piercing no tempo dos faraós

  1. O primeiro registro escrito de um piercing remonta a mais de 5.000 anos no antigo Egito. Nessa época, faraós e rainhas usavam brincos no lóbulo das orelhas e no nariz como símbolo de riqueza e poder. Os brincos eram geralmente feitos de ouro e pedras preciosas e representavam status social.

  2. Na Grécia antiga, os atletas costumavam furar as orelhas para pendurar brincos de ouro enquanto competiam nos Jogos Olímpicos. Os atletas acreditavam que os brincos trariam boa sorte e os ajudariam a vencer.

Piercing na Idade Média

  1. Durante a Idade Média, apenas membros da realeza e da nobreza podiam usar brincos. Brincos eram considerados um símbolo de status e riqueza, e apenas as pessoas mais ricas podiam usá-los.

Piercing na era da vanguarda

  1. Na década de 1890, o piercing tornou-se popular entre artistas e escritores de vanguarda, como Oscar Wilde e Lord Byron. Esses artistas e escritores viam o piercing como uma forma de rebelião contra as normas sociais e uma forma de expressão pessoal.

Perfuração na década de 1920

  1. Durante a década de 1920, o piercing tornou-se popular entre as mulheres jovens e tornou-se uma tendência da moda. As jovens começaram a furar os lóbulos das orelhas e a usar brincos maiores e mais chamativos.

Foto de 1920, há mais de 100 anos, mostrando uma linda mulher com piercings

Perfuração na década de 1950

  1. Durante a década de 1950, o piercing tornou-se popular entre os membros das subculturas rock 'n' roll e rockabilly. Músicos e fãs de rock começaram a furar as orelhas e usar brincos marcantes como forma de expressão pessoal e rebeldia.

Perfuração na década de 1970

  1. Na década de 1970, o piercing tornou-se popular entre os membros da cultura punk e tornou-se um símbolo de rebelião. Os punks começaram a furar as orelhas e usar brincos chamativos e provocantes como forma de rebelião contra a sociedade e as normas estabelecidas.

Perfuração na década de 1990

  1. Na década de 1990, o piercing se popularizou entre os jovens e se tornou uma tendência comum da moda. Muitas pessoas, independentemente de sua subcultura, começaram a furar as orelhas e usar brincos como forma de expressão pessoal e moda.

piercing hoje

  1. Hoje, o piercing se tornou ainda mais popular e se tornou uma forma comum de expressão pessoal e moda. Mais e mais pessoas decidem perfurar diferentes áreas do corpo, não apenas as orelhas, e isso se tornou uma tendência global e diversificada.

  2. Além das orelhas, existem diferentes tipos de piercings no nariz, lábio, língua, sobrancelhas, etc. e cada um tem sua própria história e significado, as razões para se tornar um sendo cada vez mais diversas e variadas.

Composição de piercings de orelha hoje

Em conclusão, o piercing é uma prática presente em diferentes culturas e épocas há milhares de anos. Ao longo da história, o piercing tem sido usado como símbolo de status, moda, rebelião e expressão pessoal. Da Grécia antiga até os dias atuais, o piercing evoluiu e se tornou cada vez mais popular. Agora é uma forma comum de expressão pessoal e moda. Piercing tornou-se uma tendência global e diversificada, com uma variedade de opções e razões para se fazer um. Piercing é uma forma de auto-expressão e personalização, e continuará a ser uma prática popular no futuro.